Blog / CLIPPING

MODA SUSTENTÁVEL E O NOVO CONCEITO DE BRECHÓ

Moda sustentável e o novo conceito de brechó


(Texto originalmente publicado no jornal A Folha de Torres, em 31 de julho de 2015.)

Em meados do século XIX um vendedor abriu uma loja de produtos usados no Rio de Janeiro, chamada de Casa de Belchior. Machado de Assis a descreveu em seu conto Idéias de Canário, da seguinte forma: “A loja era escura, atulhada das coisas velhas, tortas, rotas, enxovalhadas, enferrujadas, que de ordinário se acham em tais casas, tudo naquela meia desordem própria do negócio’’.

Esse foi o primeiro Brechó do Brasil, mas de lá para cá muitas coisas mudaram. Eles não se parecem mais com o armário da vovó e nem cheiram a naftalina. As roupas são devidamente higienizadas, passadas e as peças são expostas em araras que lembram grandes magazines.

Esses estabelecimentos estão mais segmentados, podendo atuar apenas com moda infantil, contemporânea, vintage ou marcas de luxo.

Nos EUA existe a rede de lojas Buffalo Exchange, que efetua a compra, troca e venda de roupas de marca em ótimo estado, por preços até 70% mais em conta do que em lojas convencionais. Com pouco dinheiro, o cliente recicla o visual e estimula o consumo consciente.

Em Porto Alegre o Brechó Passa Passará atua pelo mesmo sistema da rede americana, no entanto investindo no segmento moda infantil. O que é uma ótima opção para acompanhar o crescimento do seu filho de uma forma mais econômica.

Além de lojas físicas, também ocorreu o crescimento de brechós online. A designer de moda Milena Oenning, comercializa peças do próprio acervo pessoal, expõe no site (www.milenaoenning.com/brecho-da-mi) e envia para as clientes pelo correio. As peças chegam embaladas e em ótimo estado.

O mercado de usados está em alta no nosso país. Pesquisa feita pelo SEBRAE diz que número de empresas neste segmento cresceu 210% nos últimos 5 anos. É uma consciência ambiental que passou a ser desenvolvida

nos últimos anos. As pessoas estão cada vez mais conscientes e abraçando a idéia de reaproveitamento. É uma mudança que vem ocorrendo ano a ano, com as pessoas perdendo o preconceito, sobre peças de segunda mão.

Designer de Moda.

Empreendedora e criadora de conteúdo.

 

 



"Todos os nossos conteúdos do site Géssica Carneiro são protegidos por copyright, o que significa que nenhum texto pode ser usado sem a permissão expressa dos criadores do site, mesmo citando a fonte."


Compartilhe: